Repositório Institucional do IFRS - Página Inicial

Controle de erysiphe necator(schw.) na cv. moscato hamburgo sob cultivo protegido no sistema de produção orgânico

Show full item record

Title: Controle de erysiphe necator(schw.) na cv. moscato hamburgo sob cultivo protegido no sistema de produção orgânico
Author: Frozza, Alexandre de Oliveira
Abstract: Frequentemente as condições climáticas no Rio Grande do Sul são adversas para o cultivo da videira, observando-se precipitações pluviométricas excessivas no período da maturação a colheita. O uso do cultivo protegido tem crescido significativamente nos últimos anos com o objetivo de restringir a presença de água livre sobre folhas e frutos, reduzindo a ocorrência de doenças fúngicas. Contudo, as modificações no microclima do vinhedo impostas pela cobertura plástica, redução da luminosidade no dossel vegetativo, maior temperatura máxima e restrição hídrica, propiciam condições para a ocorrência do oídio (Erysiphe necator). A crescente conscientização da sociedade quanto aos problemas causados pelo uso dos agrotóxicos ao ambiente e à saúde tem exigido esforços da pesquisa e da assistência técnica na busca por alternativas no controle fitossanitário de pragas e moléstias. Dessa forma, o presente trabalho objetivou avaliar o controle do oídio em um vinhedo sob cultivo protegido através do uso de fungicidas permitidos no sistema de produção orgânico. O ensaio foi realizado em um vinhedo orgânico da cultivar ‘Moscato Hamburgo’ sob cultivo protegido localizado no município Bento Gonçalves/RS durante o ciclo vegetativo:reprodutivo 2017/2018. Realizou-se a aplicação dos fungicidas de contato inorgânicos Kocide® WDG Bioactive e Kumulus® DF AG (princípios ativos cobre e enxofre, respectivamente) a partir do aparecimento dos primeiros sinais do patógeno. Foram avaliados os fatores incidência do oídio em ramos e cachos e severidade do oídio em cachos. Os dados obtidos foram analisados estatisticamente através de análise de variância e posteriormente aplicado teste de médias ao nível de 5% (Teste Tukey) pelo programa estatístico SPSS. A aplicação dos fungicidas de contato inorgânicos cobre e enxofre reduziram significativamente a severidade do oídio em cachos, 8,41% e 8,82% respectivamente, quando comparados a testemunha 30,75%. Os fungicidas avaliados não foram eficientes na redução da incidência do oídio em cachos.
URI: https://dspace.ifrs.edu.br/xmlui/handle/123456789/300


Files in this item

Files Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Browse

My Account